Não Sou um Homem Fácil

maio 25, 2018


Você já teve que pensar duas vezes sobre a sua roupa antes de sair de casa considerando sua segurança? Já atravessou a rua ao notar uma pessoa do sexo oposto vindo na sua direção? Já olhou ao redor e notou que seus superiores são todos do sexo oposto? Já se preocupou com seu peso, sua pele, sua barriga, suas estrias, seus pelos? Já usou roupas e sapatos desconfortáveis para se sentir atraente? Já sentiu uma mão invadindo seu corpo sem sua permissão no transporte público? Ou alguém gritou algo ofensivo para você na rua enquanto você só estava tentando ir comprar pão, ou trabalhar, ou estudar, ou fazer qualquer outra coisa? Já sentiu sua inteligência diminuída baseado no seu gênero?

Se respondeu sim para a maioria dessas perguntas então você provavelmente é uma mulher.

No filme "Não Sou um Homem Fácil" a proposta é inverter os papéis da sociedade e colocar os homens como o gênero oprimido. Literalmente tudo é ao contrário, cada detalhe que, muitas vezes, passam despercebidos. A história começa com Damien, um homem bem sucedido e esteriótipo masculino de cara que pega todas e trata as mulheres como pedaços de carne. Ele sempre é ouvido pelo chefe e suas ideias são mais levadas em consideração do que as de sua colega de trabalho. Ele também é aquele tipo que joga uma cantada descarada em toda mulher que vê pela frente. 



Um dia Damien está andando na rua, mexendo com duas meninas que estão claramente desconfortáveis, quando bate com a cara em um poste. Quando acorda, se vê em uma outra realidade, onde as mulheres é que são as opressoras e os homens os oprimidos. Nesta realidade os homens é que se preocupam mais com a aparência, em agradar suas esposas, que tem seus corpos objetificados em todos os lugares, que cuidam dos filhos... Enfim, tudo o que as mulheres da nossa realidade passam. 

A vida do personagem continua basicamente a mesma de antes, porém ajustada aos padrões dessa realidade invertida. E a história segue mostrando como o personagem começa a despertar para todas essas diferenças de tratamento só por ele ser homem. Ele quer voltar desesperadamente para sua realidade, pois percebe quantos privilégios tinha.



Esse filme me surpreendeu bastante, mostrando de forma bem realista como as coisas seriam se o chamado "sexo forte" fosse considerado o feminino. Fica muito evidente como é complicado ser uma mulher em nossa sociedade, isso porque quando os problemas que enfrentamos são passados pelos homens, algumas coisas que estamos acostumadas ganham ainda mais destaque. 

Às vezes essa diferença se torna tão constante em nosso dia a dia que consideramos ela normal. Nem nos damos conta de que é uma injustiça baseada em nosso gênero. E ver isso no filme definitivamente mexeu muito comigo. Me considero sim uma feminista, mas ainda assim percebi como às vezes abaixo a cabeça por falta de outra opção. Uma situação que se destacou para mim foi quando o personagem principal é assediado por um grupo de mulheres e é quase violentado. Ele consegue se livrar dela dando um soco, mas todos sabemos que não é tão simples assim na vida real. 

Com certeza é um filme que todos deveriam assistir, de mente aberta e sem estar na defensiva. Apenas assista ao filme e tente entender o que ele quer passar. Qual a mensagem por trás de tudo isso. Enfim, se já assistiram, deixem sua opinião nos comentários e se não, assista!

You Might Also Like

28 comentários

  1. nossa, eu vi esse filme essa semana e ADOREI! eu achei um tapa na cara, principalmente nas sutilezas de comportamento que as vezes consideramos "normal", mt boa indicação, tbm ando recomendando para td mundo

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. OI RAÍSSA


    eu assisti esse filme esses dias e achei MUITO MUITO MUITO INTERESSANTE. Achei a proposta do filme super criativa e cheia de reflexão. Além da crítica a sociedade. Adoro filmes críticos.
    Como eu mesma sou crítica, só achei que eles poderiam ter sido ainda mais realistas com a opressão. Tipo a mulher pedindo pro cara mudar de roupa porque aquela ele achou muito vulgar, ou chamando o homem de "puto" porque ja ficou com muita gente ou enfim.
    de toda forma, recomendo DEMAIS esse filme!

    beijo
    www.beinghellz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Não cheguei a ver o filme, na verdade não sabia da existência dele mas achei sensacional abordar esse assunto dessa forma! Se considerando feminista ou não, não podemos deixar de concordar que esses tipos de assédios existem sim e todos os dias uma mulher passa por algo constrangedor nesse nível! É repudiante e revoltante, com certeza irei ver o filme e analizar mais sobre.

    ResponderExcluir
  4. Essa resenha me despertou interesse , já quero assistir.
    O bom é que vc passa uma resenha bem expandida do filme e desperta nosso interesse.

    ResponderExcluir
  5. Já li várias resenhas sobre esse filme é tô louca pra assistir, só falta convencer o meu namorado a ver ele comigo rs
    Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  6. Gostei da sua resenha, não conheço esse filme, mas deu vontade de assistir porque mostra todos os lados da vida masculina e feminina. bjsss
    https://espacodividido5.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. boa tarde, como vai? Ainda nao conhecia esse filme, mas gostei bastante da sua resenha e indicação
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Ainda não assisti o filme mas pela sua resenha gostei bastante, a proposta do filme é bastante interessante, ótima a sua indicação de filme, fiquei muito curiosa pra assistir bjs.

    ResponderExcluir
  9. Adorei o resumo
    fiquei louca para assistir
    parece ótimo

    ResponderExcluir
  10. Amei demais o resumo que me deu ate vontade de assistir. Muito boa a explicação do seu blog. beijos

    ResponderExcluir
  11. Nunca tinha visto falar desse filme, achei super interessante a proposta. Vou procurar para assistir. bjs

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o filme, vou procurar pra assistir. Parece mesmo muito interessante! Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  13. Até salvei aqui pra ver. Depois desse post fiquei super interessada. Mas tu acredita que eu não conhecia ..
    Fiquei super interessada e vou ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Essa serie esta na minha lista da Netflix para assistir, depois de finalmente termina La casa de Papel, que nao consegui terminar devido a faculdade/trabalho

    ResponderExcluir
  15. Ainda não vi, mas com certeza entrará na minha lista para próximo filme. Bjs

    ResponderExcluir
  16. Aaaaaaa!!!! Eu to doidinha pra assistir esse filme, só está faltando tempo mesmo. Amei

    ResponderExcluir
  17. Olá! Eu assisti ao filme com meu namorado.. Ele ficou confuso mas eu achei a ideia genial.. Tiveram algumas sacadas que eu gostei bastante como em um dialogo que os personagens principais terem falo do parto.. Ela diz que as mulheres dão a luz por serem fortes! Achei muito bacana, infelizmente o final deixou a desejar (odeio finais abertos haha) mas pelo que entendi foi a forma de dizer que os dois extremos podem entrar em um consenso e se apoiarem!

    Espero que isso não seja spoiler haha! Amei a dica de filme!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  18. Eu amo filmes, séries. Obrigada pela indicação, vou ver com certeza sabia, fiquei muito curiosa <3

    ResponderExcluir
  19. Estou finalizando uma serie e vou conferir essa, parece muito engraçada

    ResponderExcluir
  20. Ah que legal. Deve ser hilario ver esta inversão de papéis. Já anotei para assistir

    ResponderExcluir
  21. Vou assistir hoje mesmo com o maridão!!!

    ResponderExcluir
  22. Esse filme é uma boa reflexão para muitos homens solteiros que querem uma mulher e querm que ela corram atrás dele, eu não sou feminista, mas também não sou submissa, mas muitos homens deveriam ver esse filme para sentir que muitas mulheres sentem no dia a dia. Bjs.

    ResponderExcluir
  23. Este é um filme que está na minha lista na netflix, espero conseguir assistir ainda este final de semana. Estou doida para ver essa inversão de papel.

    ResponderExcluir
  24. Olá Raissa, confesso que comecei a ver este filme e desisti dele na metade, mas vou voltar a vê-ló por inteiro. Depois desse resumo me motivou bastante. Beijos :*
    www.blogdoce18.com

    ResponderExcluir
  25. Que diferente, a temática chama atenção...muito criativo o enredo inverso...
    Gostei, muito legal!
    Blog ArroJada Mix|Blog Prosa e Texto|Blog Vapor da Cozinha

    ResponderExcluir
  26. Eu cheguei assistir esse filme, mas parei.. So assisti um pouco

    ResponderExcluir
  27. Já assisti esse filme e ele é literalmente muito mais muito divertido (kkk), eu sinceramente gostei muito

    http://keilycesporkeilaluciablog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  28. Achei bem legal a proposta do filme, eu vi na netflix mas não cheguei a ler a sinopse, eu iria perder um filme muito bom, felizmente vi essa resenha e já vou salvar na minha lista

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Obrigada por me visitar!
Beijos.

contatoooldr@outlook.com

Canal

Canal
Se inscreva!

Facebook

Estou lendo

Estou lendo