Livros cujo título dão a entender outra coisa sobre a história

abril 18, 2018


Tartarugas até lá embaixo 



Esse livro é minha leitura atual e, já nas primeiras páginas, estou gostando muito. Apesar de o assunto principal ser TOC, somente o título do livro não faz muito sentido, então eis abaixo uma explicação:

Circula na comunidade científica – Stephen Hawking conta isso no primeiro capítulo do livro Uma breve história do tempo – uma história sobre um renomado cientista que certa vez dava uma palestra sobre astronomia. Ele falava do modo como a Terra orbita o Sol e como o Sol, por sua vez, orbita o centro de uma vasta coleção de estrelas que chamamos de galáxia. Quando a palestra terminou, uma senhorinha se levantou e disse: “O que o senhor acabou de falar é bobagem. Na verdade, o mundo é um prato achatado apoiado no dorso de uma tartaruga gigante.” O cientista então perguntou em que a tal tartaruga gigante estaria apoiada e a senhorinha respondeu: “Em outra tartaruga. Uma tartaruga abaixo da outra. Há tartarugas até lá embaixo.”

No livro a personagem principal fala muito sobre seus pensamentos em espiral, que a levam para fora da realidade e longe do momento presente. É exatamente assim que eu me sinto às vezes, por isso acho que já me identifiquei tanto com a leitura..

Outros Jeitos de Usar a Boca


Essa foi uma tradução de título que me deixou um pouco confusa, já que o título original é Milk and Honey (Leite e Mel). Mas acredito que tenham colocado esse título para chamar a atenção das pessoas, já que poemas não são o forte do leitor brasileiro. Outros jeitos de usar a boca é um dos poemas dentro deste livro, assim como Milk and Honey. Porém o título brasileiro com certeza dá entender que o conteúdo do livro é outro.

Garota Exemplar


Quando saiu o filme desse livro e eu chamei minha mãe pra assistir ela disse: aaaa eu não gosto desses filmes de adolescente!
Ela claramente achou que a história se tratasse de um romance adolescente no estilo Meninas Malvadas, ou sei lá. Porém Garota Exemplar é um triller policial e o título original é Gone Girl (Garota Perdida). Que, na minha opinião, faz mais sentido.
O termo "garota exemplar" aparece sim no livro, mas fora de contexto dá outra impressão e pode confundir o leitor. 

A Rainha da Fofoca


Outro título que eu acho meio equivocado é esse. No livro a personagem não é bem fofoqueira. Na verdade, ela fala as coisas sem pensar. É "sincera demais". Não tem filtro. E isso é diferente de fazer fofoca, com a intenção de falar sobre a vida alheia. 

Mar da Tranquilidade

FOTO: BLOG OPEN PAGE

Ao contrário do que se pode pensar ao ver a capa e o título deste livro, não tem nada a ver com o mar. A história se trata de uma garota que sofre um trauma aos 15 anos e passa os dois anos seguintes sem conseguir falar. Ela então muda de colégio e conhece um garoto, cujo passado é tão conturbado quanto o dela.
O termo mar da tranquilidade se refere, na verdade, a uma região lunar, feita de lava basáltica solidificada, localizada na face visível da Lua, onde pousou o Módulo Lunar Eagle, da Apollo 11, em 20 de julho de 1969, na primeira missão espacial a pousar na Lua.


Eles citam o mar da tranquilidade no livro, porém não é uma parte tão importante assim para a história de modo geral. 

E vocês, também conhecem livros cujo título dão a entender outra coisa sobre a história?

You Might Also Like

11 comentários

  1. Raí, concordo muito com o que você ponderou sobre "Outros Jeitos de Usar a Boca".
    Isso acontece muito, o fato de os títulos darem a entender uma coisa que não é aquilo que a gente pensou, haha. Adorei o post!
    Um super beijo!
    Thami, Blog Historiar.

    ResponderExcluir
  2. Esses títulos fazem valer a máxima de que não se deve julgar o livro pela capa. Nem sempre se pode fazer uma tradução literal, usar a criatividade vale a pena como acontecem com muitos filmes e acabam com títulos melhores que os originais. Tenha um ótimo dia, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    www.paisagemdejanela.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, Rai!
    É por essas e outras que eu tenho a coluna que comparo os títulos porque olha... de Milk and Honey para o título gigante BR tem uma discrepância INCRÍVEL.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. OI RAÍSSA

    nossa, brigada mesmo. Uma utilidade pública você explicar esse título do John green. Sério, não tô zoando. Quando vi que esse livro ia ser lançado, fiquei tipo: ?????. Rolou até certo medo de ir caçar onde esse em baixo terminava HAHAHAH

    outros jeitos de usar a boca eu também não entendo. Lógico que Leite e Mel não pegaria no brasil, mas não saquei essa.

    Garota exemplar passa mesmo uma vibe mean girls HAHAHAHA

    beijo
    www.beinghellz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahahaha cara eu acho que tu ia gostar de Tartarugas até lá embaixo viu!

      Excluir
  5. Oi Ra!
    Eu to é morto com essa do livro da boca. Não sabia que era de poema D: KKKK Morria sem saber. Já vou atrás, porque curti a ideia.
    CARA, Tartarugas não condiz nem com a sinopse. Porque você le a sinopse e acha que o livro e sobre isso, mas ai o livro vem e mostra que não. Aquilo ta lá, mas é o menos importante KKKK. Adorei o post.

    Abraços
    David
    https://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. ah acontece né! hehe em livros, filmes etc as vezes a capa, o titulo não traduz exatamente o que o livro quer dizer, as vezes é mais subjetivo hehe

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  7. Oláá! Tudo bem?
    Adorei o post, isso é algo que acontece muito né.. não só em livros, mas Às vezes filmes e por causa da tradução louca mesmo hahaha
    beeijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Obrigada por me visitar!
Beijos.

contatoooldr@outlook.com

Canal

Canal
Se inscreva!

Facebook

Estou lendo

Estou lendo