Resenhas

O Bangalô - Sarah Jio

14:00



♥ Resenha postada originalmente no Estante Diagonal
Eu já tinha lido uma ou outra resenha sobre ele, mas ele ainda não tinha entrado de vez na minha cabeça e por isso eu solicitei ele quando me foi oferecido. Fico feliz de tê-lo feito!

O livro conta a estória de Anne e se passa no ano de 1942, quando a Segunda Guerra Mundial estava acontecendo. Anne é uma mulher com uma vida confortável. Ela tem praticamente tudo o que a maioria das mulheres com sua idade querem, um noivo bem de vida, uma família perfeita e uma melhor amiga que está sempre ao seu lado.

Porém ela sente que algo está faltando. Ela acabou de se formar em enfermagem e sente que deve fazer algo a mais antes de se casar e selar seu destino para sempre. É quando ela descobre que sua melhor amiga, que também se formou em enfermagem, está indo para a guerra, na base militar americana localizada em Bora Bora, para ajudar como enfermeira.

Ela sente que aquela é a oportunidade perfeita para ela fazer algo de útil e decide ir junto, deixando seu noivo com a promessa de que irá voltar logo. Porém durante o período do alistamento ela viverá coisas que a mudarão para sempre.

Autora: Sarah Jio
Ano: 2015
Editora: Novo Conceito
Páginas: 320




Nas primeiras páginas do livro conhecemos como é a vida de Anne, achei essa parte meio parada, mas aprendi que as primeiras páginas de um bom livro podem muito bem não ser exatamente emocionantes. E isso se provou certo conforme a estória foi avançando.

Assim que Anne chega em Bora Bora nos deparamos com um cenário contraditório por ser tão lindo, mas ao mesmo tempo estar servindo de cenário para uma guerra que ocorre perto dali.

Quando comecei a ler pensei se tratar apenas de um romance, mas ao longo do livro vamos descobrindo muitas camadas na estória que envolvem tópicos muito reais no mundo, como guerras, traições, paixões e drama.
Eu nunca tinha tido contado com a escrita da autora, mas gostei bastante da forma como ela vai conduzindo seus sentimentos durante a leitura. Como a narração é em primeira pessoa você vai entrando na cabeça da personagem e acaba tirando praticamente as mesmas conclusões que ela e depois se surpreende com as revelações finais.

Foi uma leitura bem agradável e me deixou com grandes expectativas em relação aos outros livros da autora. Acho até que o estilo dela é meio parecido com o do grande romancista Nicholas Sparks, pois ela mescla o romance central com outros gêneros. É como se aquela estória realmente pudesse ter acontecido! Recomendo a leitura para os fãs de Sparks e afins!

You Might Also Like

14 comentários

  1. Oi, Raíssa!
    Apesar de ter Segunda Guerra como fundo, esse livro não me despertou atenção. Piorou mais ainda quando você disse que lembra do Sparks. Fujo dessa homem como diabo foge da cruz hahahahha
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio do livro Marianas | Participe do sorteio Mês das Mulheres em Dobro
    Porcelana - Financiamento Coletivo

    ResponderExcluir
  2. to querendo ler um romanção assim, apesar de nao ser mt meu estilo, mas to lendo tanta biografia meio pesada que quero mudar um pouco de genero, legal essa sua indicação

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. Amei a resenha e a capa do livro, é muito linda. Não sou muito chegada nesse genero, mas a forma como você escreveu me fez sentir vontade de ler.
    Beijoos.
    www.amordeluaazul.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Raissa, até tava gostando da ideia do livro até vc falar que lembra o Nicholas Sparks, rsrs parece loucura mais não curto os livros dele, e este me parece muito ser uma ótima leitura.. quem sabe eu deixe de lado a reserva e dê uma oportunidade!

    Bjs

    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Você disse Nicholas Sparks? Então com certeza procurarei ler! Já vi algumas resenhas dele e entendo o fato de que às vezes, as primeiras páginas de um livro podem mesmo ser lentas. Gosto de livros que tenham a Guerra como plano de fundo porque nos ensinam muita coisa, inclusive sobre História.

    ResponderExcluir
  6. Nossa blog perfeito, gostei muito além dessa resenha, que né...não vamos comentar muito!!He He He!
    Já estou seguindo o blog!
    Um abraço, se puder depois dá uma passada no meu blog, para ver os últimos posts, ficarei muito muito feliz!
    http://umalbumpanoramico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Raíssa, eu adorei esse livro, apesar de achar algumas partes meio forçadas.
    O cenário realmente é lindo e eu me imaginava lá totalmente, haha.
    O começo é meio lento mesmo, mas nem ligo quando o livro é assim, porque geralmente é sinal de que tudo vai virar de cabeça para baixo logo logo e foi esse o caso.
    :)

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  8. Acho que já ouvi falar dessa autora, nome não é estranho rs, mas nunca li nada dela.
    Amei a sinopse e a sua resenha, me despertou muito interesse, há tempos não leio uma história intensa.

    www.vodkaescarpin.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Raíssa!
    Acho que nunca tinha lido a sinopse desse livro, a história me interessou! Principalmente por se passar na Segunda Guerra Mundial, e me anima vc ter gostado. Na verdade eu tenho um outro livro dessa autora, mas ainda n li, rs.
    bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá Raíssa,
    Eu adorei o livro quando li, achei de uma simplicidade sem tamanho e a forma como a autora escreveu a história me fascinou completamente.
    Gostei muito da sua opinião e, agora pensando, sim, é um livro indicado para fãs do Sparks, mas acho que vai além, a Sarah conseguiu ser mais profunda, pra mim.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Raíssa!

    Eu li muitas resenhas positivas do livro e acho que se tem mais camadas do que romance é um ponto super positivo! E já que vc falou do Sparks, eu achei a capa parecida com as dos livros dele rsrsrsrs

    Bjs, Michele

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  12. Oi Rai, muitas saudades de comentar por aqui <3 Desculpe pela ausência.
    Ai, esse livro!
    Bem, essa questão do cenário foi algo que me chamou muita atenção: Um lugar tão lindo em uma situação tão difícil.
    Esse livro, no geral, mexeu bastante comigo. Eu fiquei nervosa para entender o que de fato estava acontecendo. Adorei a parte do mistério e as revelações, apesar de eu ter esperado um pouco mais, não me impediram de dizer que é uma leitura maravilhosa.
    Beijos
    Historiar

    ResponderExcluir
  13. Oi, Raíssa.
    Gostei da temática do livro.
    Estilo Nicholas Sparks? Então provavelmente vou gostar.
    As primeiras páginas de um livro muitas vezes podem ser lentas pra que o desenrolar do livro faça sentido.
    Eu particularmente prefiro livros que já começam com algum suspense ou suspense.
    Como dito aí em cima, eu tbm gosto de livros que tenham a 2ª Guerra como pano de fundo porque nos ensinam muita coisa, inclusive sobre histórias reais.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
  14. Oi Ra, tudo bem contigo ???
    Eu me lembro de ter lido a resenha de O Bangalô lá no Estante Diagonal, mas com a correria que estava a minha vida, e como as vezes sou uma pessoa bem esquecida, rsrsrs, acabei deixando de comentar. Ainda bem que você trás as resenhas aqui também, assim posso me redimir e comentar o que achei !!! ^^
    Já tive a chance de conferir algumas resenhas desse livro, e sempre que confiro uma nova resenha me surpreendo um pouquinho mais com a história. A primeira vez que bati os olhos no livro pensei que seria uma história bem bobinha, mas conforme descobri do que se tratava, passei a achar a obra bem interessante. Se tive a oportunidade com certeza leria o livro !!! ^^

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Obrigada por me visitar!
Beijos.

contatoooldr@outlook.com

SUBSCRIBE

Categorias