Fiquei com seu Número - Sophie Kinsella



Poppy Wyatt está prestes a se casar com o homem perfeito e não podia estar mais feliz... Até que, numa bela tarde, ela não só perde o anel de noivado (que está na família do noivo há três gerações) como também seu celular. Mas ela acaba encontrando um telefone abandonado no hotel em que está hospedada. Perfeito! Agora os funcionários podem ligar para ela quando encontrarem seu anel. Quem não gosta nada da história é o dono do celular, o executivo Sam Roxton, que não suporta a ideia de haver alguém bisbilhotando suas mensagens e sua vida pessoal. Mas, depois de alguns torpedos, Poppy e Sam acabam ficando cada vez mais próximos e ela percebe que a maior surpresa da sua vida ainda está por vir.

Autora: Sophie Kinsella
Editora: Record
Páginas: 464
Ano: 2012




Até o momento eu não tinha lido nada da Sophie Kinsella. Na verdade, eu ganhei esse livro faz um bom tempo e não tinha lido até agora. Eu não sabia se iria gostar, estava até com receio de ser muito enrolado, igual a Melancia.

Mas eu estou meio sem opções de livros físicos, então resolvi dar uma chance. Antes de eu ler Fiquei com seu Número eu abandonei a leitura de dois outros títulos. Não sei porque, mas eu não estava conseguindo me prender em nada.

Porém isso mudou logo nas primeiras páginas dessa estória. A escrita da Sophie me cativou completamente. Logo em uma das primeiras cena ri horrores. A personagem principal é muito engraçada e envolvente!

A Nina, do blog Psicose da Nina, é super fã da Sophie, então logo fui comentar com ela que eu estava lendo e dando muita risada. E ela concordou que esse livro é um dos que ela mais gosta da autora.

A estória é muito descontraída, a Poppy tenta de tudo para agradar as pessoas, mas ela acaba se metendo nas confusões mais loucas fazendo isso. Ela acaba tendo que dividir o celular que achou com o Sam. Mas ela lê todos os email dele e fica tentando "consertar" a vida do cara sem nem se ar conta de que está só piorando as coisas.

Mas é claro que ela o ajuda também. Na verdade os dois acabam ajudando um ao outro e Sam percebe que sua vida muda completamente desde que Poppy acha o celular dele.

O livro é divido em momentos hilários, nas trapalhadas da Poppy e em momentos um pouco mais sérios, que tocam o coração do leitor e nos deixa ainda mais apaixonados pela estória. A escrita da autora é muito envolvente e ela entrelaça os acontecimentos muito bem. 

A edição do livro está boa, não encontrei muitos erros. A única coisa que não me agradou muito foram as páginas brancas. Mas o livro é bem maleável. Eu gosto de livros com a capa e as folhas molhinhas, porque é mais fácil de segurar. A capa também é linda, gosto mais de ilustrações assim do que de fotos de pessoas.

A narrativa é em primeira pessoa e a personagem vai deixando um monte de notas de rodapé super engraçadas, que dão um toque especial para o livro.

Enfim, eu acabei essa estória querendo já ler outro livro da autora e amando o final que ela criou!


Sobre a autora




Madeleine Sophie Townley, conhecida como Sophie Kinsella, nasceu em Londres, Inglaterra em 12 de dezembro 1969. Ela é irmã da também autora Gemma Townley (“Quando em Roma”, “Manual Para Românticas Incorrigíveis”, “1 Milhão de Motivos Para Casar” e etc) e de Abigail Townley, que é advogada. Cursou um ano de Música antes de trocar de curso e se graduar em Politics, Philosophy and Economics (PPE) pela New College, Oxford.

Trabalhando como jornalista financeira, em 1995, aos 24 anos, sob o nome Madeleine Wickham lançou seu primeiro romance “The Tennis Party” que foi um sucesso e logo entrou para a lista de mais vendidos. Como Madeleine Wickham publicou sete livros, dois quais apenas três foram traduzidos para o português.

Em 2000, enviou anonimamente para a própria editora, sob o pseudônimo Sophie Kinsella, o primeiro volume da Série Becky Bloom, “Os Delírios de Consumo de Becky Bloom” (título original em inglês: “The Secret Dreamworld of a Shopaholic”. Posteriormente intitulado “Confessions of a Shopaholic”). Este livro logo se tornou um sucesso editorial! Só em 2003, com o lançamento de “O Segredo de Emma Corrigan” (“Can You Keep a Secret?”), ela revelou sua verdadeira identidade. O pseudônimo Sophie Kinsella foi criado a partir do nome do meio dela, Madeleine Sophie Townley, e o nome de solteira da mãe dela, Patricia B. Kinsella.

Em setembro de 2015, a autora esteve no Brasil na XVII Bienal do Livro do Rio de Janeiro e também em uma sessão de autógrafos em São Paulo.

Comentários

  1. Oi, Raíssa!
    Mirmã, eu estou com duas leituras empacadas que olha... só muita força nessa pra eu continuar porque não está sendo fácil.
    Todo mundo que lê esse livro e ama. Eu nunca li nada da Sophie e decidi que vai ser por esse que vou iniciar minha experiência com ela.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio do livro Marianas | Participe do sorteio Mês das Mulheres em Dobro
    Porcelana - Financiamento Coletivo

    ResponderExcluir
  2. Ola!!

    Ainda não li nada da autora, mas é algo que eu pretendo mudar algum dia! Acho que pelo gênero é uma das melhores, principalmente por focar no publico mais adulto né?
    Gostei de saber um pouco mais do enredo e da forma como você se envolveu na história!!
    Ainda sonho em ler Beck Bloom mas e o dinheiro? hahahaah

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Ainda não tive a oportunidade de ler nada da Sophie, mas sei que ela escreve muito bem. Eu quero ler os da Becky Bloom e o A Procura de Audrey, mas esse também achei bem legal.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi :D
    Não li esse livro da autora mas parece ser ótimo.
    Amei Os segredos de Emma Corrigan.
    Bj


    @saymybook
    saymybook.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler o livro, só to esperando o preço baixar um pouco, eita crise. Amo a Sophie, dou risada em todos os livros dela.

    www.eucurtoliteratura.com

    ResponderExcluir
  6. Raissa, a autora é ótima, né? É difícil não gostar dos personagens dela! E adorei suas fotos!

    Bjs, Michele

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Oi Raíssa!
    Eu preciso ler esse livro, você é a segunda pessoa que me diz que é um dos seus livros favoritos.
    Da autora, só li Becky Bloom e nem foi a série completa, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Sou suspeita, a Sophie é a minha autora (gringa) preferida. ♥ Esse livro é muito bom! Amo as notas de rodapé e o desfecho. E o que falar dos emoticons? ;-) Também sou muito mais capas com ilustrações do que com pessoas reais. ^^ Ah! Quer uma indicação de livro da Sophie? "Menina de 20"! É um dos melhores! :)

    Beijos,
    Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  9. Olá! Não conheço o livro e nem a autora, mas a história parece ser interessante!
    Curiosa! Rsrs!
    Beijos!

    http://www.borboletra.com/

    ResponderExcluir
  10. Oiiii Raissa, tudo bem??? Morro de vontade de ler algo da autora, mas ainda não tive a oportunidade :P E esse é um dos seus livros mais famosos né? Fico feliz que tenha gostado e ainda pretendo ler. Mas da autora, morro de vontade de ler o YA que acho que é meio que lançamento heheh
    Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Parece ser uma obra super leve e cativante. A sua resenha nos convence com uma onda de firmezas e paz. Adorei ler e saber da obra!

    SEMQUASES.COM

    ResponderExcluir
  12. Olá, Raissa! Tudo bem?
    Ainda não li nada da Sophie, mas quero bastante. Fico imaginando o quanto a leitura deve ser divertida e gostosa.

    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi, Raissa!
    Quanto tempo!
    Menina eu ainda não li nada dessa autora, mas já assisti Beck Bloom e consequentemente quero muito ler os livros, até porque as pessoas falam muito bem deles. Eu li algumas resenhas sobre Fiquei com seu número, além da sua, e minha vontade de ler ele e outros só aumentou.
    Belas foto, viu.
    Bjão.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Os livros da Sophie são maravilhosos, com um humor e uma leveza!! Meu preferido até agora foi Menina de Vinte, recomendo muito todos a lerem.
    Adorei a resenha! Parabéns!
    devaneios-de-inverno.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi, Raíssa! Tudo bem?
    Esse é, por enquanto, o único livro que li da Sophie Kinsella e também gostei bastante! Só não foi uma leitura favorita por dois motivos: eu estava esperando loucamente mais e a história não chegou a ser essa coca cola toda, sabe?! O outro motivo é o fato da Poppy ser uma pirada e descontrolada, em alguns momentos eu me recusa a acreditar que ela estava fazendo algumas coisas! Mas enfim, estou louca para ler a série da "Becky Bloom", só estou esperando uma promoção bacana dos livros. Bjs
    Jéssica S. - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. O pessoal fala tão bem da Sophie que eu fiquei com medo de ler e não gostar dela acredita?!?! Pois é! Mas comigo aconteceu o mesmo, quando li "Delírios de Consumo de Becky Bloom" dei risada nas primeiras páginas e me identifiquei horrores com a protagonista e terminei o livro em um dia porque não queria dormir sem saber que a Becky estava bem. Coloquei "Fiquei com seu número" em minha listinha também!

    #DoQueEuLeio

    ResponderExcluir
  17. Oii Raissa

    Acredita que eu nunca li um livro da Sophie? Preciso remediar esse mal, e quero começar justamente por esse livro. Amei a resenha, a sinopse, o livro parece delicioso de ler

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  18. Oi Raissa tudo bem!?
    É sim um ótimo livro também ri muito com o livro.
    A autora ela me cativou!

    Beijos Camila
    www.livrosseafinss.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oi, Raíssa! Como vai?
    Também nunca li nada da Sophie mas já vi pessoas falando muito bem de seus livros. Tenho impressão de que são divertidos, bem descontraídos e leves, uma leitura pra relaxar, mesmo.
    Beijocas.
    Fê Cardoso
    http://www.baseadoemlivros.com.br

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Obrigada por me visitar!
Beijos.

contatoooldr@outlook.com