Estilo de Vida

Saia da sua caverna

19:00

Olá leitores!

Hoje tem uma participação especial aqui no blog. Minha amiga, Talita Coutinho, trouxe um texto super especial para vocês curtirem. Se liga!


Escolhi este tema, pois se refere a uma situação que muitos de nós vivemos. Parece que quando Platão escreveu o mito da caverna, ele estava prevendo como seria o ser humano, séculos depois. No conto existem prisioneiros acorrentados numa caverna, desde seus nascimentos, olhando apenas para uma parede, vendo sombras refletidas, durante toda a vida. Até que, um dia, um deles consegue escapar das correntes e ousa sair da caverna para conhecer o mundo real.

Você deve estar se perguntando, aonde essa “louca” quer chegar? Simples! Muitos de nós vivemos reclamando das nossas vidas, trabalho, relacionamentos infelizes, família, trânsito, saúde, enfim reclamamos de tudo, pois só olhamos a parede dos nossos problemas, não saímos da nossa caverna, do comodismo. As pessoas se acostumaram a viver infelizes, com o que as faz mal e acabam deixando a vida transcorrer sem ação nenhuma, sem mudanças reais e significativas.

A palavra chave para sair desta inércia é OUSADIA, precisamos ser ousados. Se foi um amor que foi embora, um trabalho que está ruim, saúde debilitada, se tem vontade de fazer atividades físicas, mas a preguiça não deixa, ou se é a família que está passando por um momento difícil... Não sei qual é exatamente o seu problema. Simplesmente, OUSE! Acredite na mudança, na evolução, no seu potencial!

Acorde pela manhã, agradeça a DEUS por mais um dia que tem pela frente e faça acontecer. Está se sentindo inútil? Pensa que o seu problema é o pior, que não tem jeito? Que tal visitar um orfanato, um asilo, um hospital do câncer ou levar alimentos para moradores de rua. Então você verá que tem tudo para ser feliz. Talvez, o maior problema que notará, é que você se tornou acomodado, se acostumou com as coisas ruins acontecendo em sua vida e não tomou nenhuma atitude.

Outro dia assisti a uma palestra, na qual o palestrante falava das pessoas que tem sonhos, mas não dão o primeiro passo para realizá-los, ou seja, só ficam falando e não correm atrás dos seus objetivos. E muitas delas morrem sem concretizá-los. E você, já se perguntou qual é seu maior sonho? Seja ele casar-se e ter filhos, conseguir um bom emprego, ter a casa própria, viajar, pular de paraquedas, praticar algum esporte, aprender a dirigir, sair sem rumo, aprender a dançar. OUSE! ARRISQUE! 

Como diz o poeta, “vamos viver nossos sonhos, temos tão pouco tempo”... A vida é curta, desliga essa televisão e esse computador! O mundo é muito grande, existem mais de sete bilhões de pessoas no mundo, muitas histórias você ainda vai viver, muitas coisas estão por vir! É só você dar o primeiro passo, enxergar o que a vida está te oferecendo de bom!

Momentos ruins todos nós temos, mas a forma que você os enxerga é que vai fazer toda a diferença. Pegue as coisas ruins, anote em uma folha e descreva o que te fortaleceu, qual foi a lição que tirou com cada uma delas. Aprendeu? Agora as queime, deixa o vento levar e o tempo cicatrizar. E os momentos bons, guarde-os apenas como lembranças de uma vida bem vivida.

A vida está batendo em sua porta, saia da sua caverna e diga: “Seja bem vinda vida, sua linda!”

Por Talita Coutinho

You Might Also Like

17 comentários

  1. Olá!

    Pela primeira vez, estou sem saber o que dizer. É pra concordar, claro que é, mas nunca saberemos o que as pessoas passam. É muito fácil falar pra arriscar, ousar. Mas ninguém vem perguntar o que aconteceu. Sim, existem piores que os nossos, como o abandono de idosos e crianças, gente doente e etc. Mas, é bem mais chato ficar fazendo competição de problemas, saber qual é o pior... Todos temos problemas, mas ninguém se preocupa com você, ninguém vem perguntar do que você precisa. Então, antes de arriscar, que tal medir as consequências? Para cada ação, há uma reação. Enfim, eu penso assim... Parabéns pela reflexão, Talita. Continue escrevendo para o blog!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. adorei o texto! acho que é bem isso mesmo, temos que sair da caverna, da zona de conforto , da inércia para ver coisas mais incriveis e magicas acontecendo em nossas vidas!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente, o pior é quando vemos uma pessoa que tem medo de sair da caverna, ou que ta tão acostumado, que acha mais facil continuar reclamando e vendo a vida passar aos poucos enquanto olha para "parede dos problemas", do que sair da caverna.
    Beijos
    http://rindoeblogando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Talita,
    Adorei o teu texto.
    Começou muito bem exemplificando com o mito da caverna de Platão. Escrevi um texto esses dias que meio que tem bastante semelhança com o que tu tá falando. Mas o que acontece é que as pessoas tem medo das mudanças. É um pouco difícil ousar quando o medo e a insegurança em si fala mais alto. Acho que as pessoas precisam se reconhecer um pouco mais e acreditar no potencial que possui, mais ou menos como tu colocou.
    Quando estou com problemas, costumo pensar nos animais abandonados que estão sofrendo. Não há como eles pedirem ajuda. Logo começo a refletir sobre mim. Há tanta coisa pior no mundo.
    Enfim, volto a dizer, adorei o teu texto. É bem positivo, espero que ajude quem o ler.
    Beijos
    Historiar

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Achei o texto ótimo e, acima de tudo, muito inspirador. No fim das contas nós só precisamos dar o primeiro passo, sair da zona de conforto ou da caverna, rsrs.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Realmente, é muito importante agradecer. Já imaginou se um dia a gente acordace apenas com o que agradecemos?!
    http://grandemetamorphose.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. as vezes deixamos a vida passar sem fazer nada, depois que vemos o quanto o tempo foi perdido e não volta mais! amei o post, sempre é uma boa parar e refletir sobre esses assuntos!
    beijos (:
    http://brunamartinsmaktub.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. A questão não seria nem ficar na caberna, seria mais sobre não querer progredir e ficar lá... Naquela inercia :p
    | Sorteio do livro Banksy |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
  9. Agradecer sempre, ótimo texto, ótima reflexão.
    Beijos!
    Blog: http:Tha Oliveira

    ResponderExcluir
  10. Que texto legal, parabéns pra ela!
    Eu adoro o mito da caverna, ele vai direto na ferida! hahaha
    "As pessoas se acostumaram a viver infelizes", acho que o ponto é justamente esse, a perspectiva faz toda a diferença, um pouquinho de ousadia tbm! ;)
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Talita arrasou no texto!
    Ousadia é a palavra do momento... Né?

    Te marquei na TAG dos Pokémons lá no blog!
    Vc até visitou, mas esqueci de te avisar que te marquei! #Sorry

    http://pausaparapitacos.blogspot.com.br/2015/12/pokemon-book-tag.html

    Beijos!
    Fabi Carvalhais
    pausaparapitacos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Que texto lindo e motivador! Também concordo que devemos fazer de tudo para realizar nossos sonhos e desejos, e sermos felizes! :D

    Com amor,
    Steph • http://naoeberlim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi! Você sempre trazendo ótimos textos e reflexões no seu blog <3
    Gostei bastante dessa ~comparação que ela fez sobre o mito da caverna e as pessoas de hoje, nós no geral. Pior que faz todo o sentido mesmo.

    Beijos
    SIL ~ Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  14. Oi Raissa e Talita!
    Que texto inspirador... super motivacional! Adorei... apareça mais vezes Talita, vou adorar ler seus textos.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Que texto tão inspirador :) gostei muito! É a primneira vez que passo aqui pelo blog e gostei muito do que tens publicado por aqui!
    Beijinhos*

    Comecei a seguir-te ;) Faz também uma visita ao meu blogue e espero que gostes do que tenho publicado por lá...
    http://nuancesbyritadias.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  16. Que texto inspirador :)
    Gostei bastante, espero que a Talita volte aqui com mais textinhos!
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, Raíssa.
    Realmente é um texto muito inspirador.
    As pessoas vivem reclamando das coisas, mas não agem para mudar a situação.
    É mesmo preciso ousar, agir, sair da zona de conforto.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Obrigada por me visitar!
Beijos.

contatoooldr@outlook.com

SUBSCRIBE

Categorias