Raposa Entrevista: Carolina Matsuo



Como surgiu a ideia do livro?

Durante o período da faculdade, mestrado, trabalho, conversei com muitos jovens adultos e adultos sobre a frequência em que liam livros de qualquer tipo. A maioria não tinha paciência e acabava desistindo da leitura em poucas páginas. Eu fiquei um tempo pensando sobre isso, pois a sensação de ler um livro é muito boa, abrir a sua mente, imaginar fisicamente os personagens e mergulhar na história, e aquelas pessoas não conseguiam sentir isso. Eu queria fazer alguma coisa a respeito. 

A trama foi escrita com o intuito de "prender" o leitor em cada capítulo, dessa forma, incentivasse ou resgatasse o hábito de ler daquelas pessoas e proporcionasse bons momentos.



Conte um pouco sobre o que se trata a estória.

A história se inicia com ação e um toque de mistério, quando Beatriz é perseguida por homens armados e está apavorada após saber o que aconteceu com a tia. Nesse ínterim, ela encontra com seu amigo de infância, Tomaz, mas não consegue contar o que está acontecendo porque os homens invadem o lugar em que estão, faz o amigo como refém, e ela é obrigada a fugir. Nesse momento, Tomaz, sem entender e preocupado com o envolvimento da amiga com aqueles homens, sai em busca de Beatriz. Ele viaja para algumas cidades dentro do Estado de São Paulo, onde a trama se passa na maior parte, e passa por muitas situações, várias delas inusitadas, encontrando um toque de humor, reflexões, suspense, ação e mistério. 

Acredito que os leitores ficarão ansiosos durante a leitura, por essa mistura de situações e dos sentimentos dos protagonistas. Além disso, há momentos que nos faz pensar sobre alguns valores, ética e moral representados por alguns personagens.


Trecho do livro:

"Ainda era o início do inverno, mas poderia imaginá-lo mais rigoroso daqui a algumas semanas. Sentia um vento tão gelado tocar a pele do meu rosto ao ponto de machucá-la. Parecia trazer consigo lâminas microscópicas capazes de perfurar todos os ossos do meu corpo. Calafrios percorriam minha espinha e um frio intenso se espalhava pelas minhas costas. Era uma sensação desconfortante e insaciável que não se limitava a uma parte do meu corpo."




Seus personagens têm características de pessoas reais? 

Sim. Os protagonistas são pessoas do nosso cotidiano, a maneira como falam, como se comportam, se vestem, os definem. Eles são especiais por serem parecidos conosco, não só fisicamente, mas também pelo interior. Acredito que muitas pessoas têm medo de fazer algo ou de dizer algo para alguém. Um dos protagonistas, Tomaz, larga tudo para procurar Beatriz e saber o que realmente está acontecendo. Acho que muitas pessoas, por medo do que podem encontrar, desistem ou não fazem nada, mas aquelas que seguem em frente já são vitoriosas por conseguirem quebrar essa barreira.

Carol mandou essa foto pra entrevista. Linda né?

Pretende escrever novos livros? Já tem algum projeto prestes a ser lançado?

Sim, tenho um projeto, mas apenas em mente.



Como foi o processo desde a finalização do livro até ele chegar às livrarias?

Bom, fiz a publicação de O Sumiço de Beatriz independente, por isso você não encontra o livro físico nas livrarias, somente o e-book é vendido na amazon, livraria cultura e saraiva. A venda do livro impresso é feita somente por mim, através do meu site carolinamatsuo.wix.com/autora ou através da fanpage do Facebook. Aproveito o momento para informar os leitores que ele está em promoção. Acompanhe a fanpage do livro e veja as publicações.

Eu terminei de escrever a obra em meados de 2013, e somente após ter me envolvido e pesquisado bastante sobre as editoras, analisado suas propostas, foi que resolvi fazer a publicação em Agosto de 2014. Tive propostas boas e ruins, mas naquele momento optei pela publicação independente. A obra foi passada por várias revisões, foi contratada uma revisora de texto profissional, um capista e uma gráfica. Toda a parte de registro e documentação, além da diagramação e a “direção de arte” da capa foram feita por mim.



Você sempre se interessou por escrever?

Sim. Desde criança gostava de escrever. Quando eu tinha 11 anos de idade, nasceu a personagem Beatriz, uma estilista e especialista em maquiagens e eu resolvi utilizá-la e reescrever a "estória" O sumiço de Beatriz. Mudei totalmente o cenário e a linguagem, mas mantive as características da personagem. Hoje, ao ler "O Sumiço de Beatriz" você encontrará uma trama que envolve conspiração político-militar, perseguição e investigação, com fatos da história como os acordos entre petrolíferas feitos em períodos diferentes do nosso governo e desvio de bilhões durante essas negociações, e tudo isso misturado com um toque de ficção científica, aventura, mistério e romance. 


Quais são seus livros favoritos? Você se inspira neles?

Cada livro tem sua história, sua peculiariedade, a maneira de escrever de cada autor os diferencia nos detalhes, por isso é difícil de dizer os livros favoritos. Gosto muito de livros que tem uma trama de conspiração, investigação e assuntos políticos envolvidos, e por isso qu eles me inspiram.


Como tem sido o feedback dos leitores?

Estou gostando muito dos feedbacks que recebo! Acho que a minha meta de entreter o leitor até o fim está dando certo! Várias pessoas me mandam mensagem privada pelo Facebook ou deixam mensagem na fanpage. Isso é bastante gratificante!


Um recado para os leitores?

Aqueles que se sentiram curiosos em ler O Sumiço de Beatriz, aproveite para garantir o seu exemplar autografado, com marcador de página com preço promocional!
Desejo que “O Sumiço de Beatriz” deixe os leitores incentivados a ler cada vez mais, e para aqueles que ainda não tem esse hábito, então que esse seja o começo!


Carol muito obrigada pela entrevista. Adorei as respostas e acho que fez os leitores se interessarem muito pelo O Sumiço de Beatriz!
Espero que tenham gostado tanto quanto eu da entrevista!!


PS: Não esqueçam do Sorteio de Aniversário do blog aqui!!

Comentários

  1. super completa essa resenha hein, adorei! bom final de semana

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Adorei, a autora é uma fofa. Espero que ela lance outro livro logo. :3
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Entrevista maravilhosa!! Achei super legal a premissa da história e a foto ficou show!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá :)

    li esse livro há pouco tempo e gostei bastante da premissa dele. E essa capa? É muito sugestiva! Uma coisa maravilhosa que a Carol conseguiu fazer foi o mistério. O suspense dura até o final mesmo, impressionante. Vou esperar pelo próximo projeto da Carol, pois com certeza será bom. :)

    ssentrelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada Camilla, fico contente em saber disso! :)

      Excluir
  5. Oi, Ra!

    Gostei da entrevista! Achei a capa do livro muito interessante, uma coisa meio "Lucy", sei lá! hahaha
    Acho tão legal quando os autores optam por publicar de forma independente, mas se preocupam com cada detalhe para o livro ficar perfeito! Parabéns para a autora!

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  6. Eu adoro entrevistar ^^ Achei bem legal a que fez para a Carolina !
    Não conhecia ela e nem o seu trabalho !
    Esse livro dela deve ser muito legal, me cativou já só pelo nome hahaha
    Beijos ♥ O Melhor de Mim

    ResponderExcluir
  7. Oi Raissa, como vai?
    Poxa, eu não conhecia a Carol ainda.
    Adorei as respostas dela e super me identifiquei, rs.
    Escrevi "Ponte de cristal" com o mesmo intuito dela.. Pensando em fazer o leitor ficar grudado em cada página, rs!
    Beijos e boa semana ♥

    Thati Machado;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Conheço o livro por causa da capa, mas não li ainda nem tive a oportunidade. Acho maravilhoso autores dando a cara a tapa e publicando seus livros independente :)


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Raíssa :3

    Adoro ler suas entrevistas, queria ter o dom HUAHUEAEUAEHAU
    Conheci a autora e seu livro graças aos blogueiros, mas ainda não fui totalmente fisgada para ler.
    Desejo muito sucesso pra autora e espero que esse novo projeto em mente saia \O/

    Beijos!
    www.livroterapias.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Raissa.
    Eu já tinha visto o livro em alguns blogs, mas confesso que não me interessei por ele. Vou ficar aguardando algumas resenha para me decidir.
    Adorei a entrevista. Ficou muito a foto que ela te enviou, mostra o cuidado e o carinho que teve com seu blog.
    Uma ótima semana flor.
    Bjus

    ResponderExcluir
  11. Adorando suas entrevistas =)
    Esse livro tá na lista eterna haha

    ResponderExcluir
  12. Que bacana Raissa. Amei a entrevista da Carolina
    Boa semana pra vc.
    Big Beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
  13. Oie Raíssa =)

    Não conhecia o livro e a autora, mas adorei conhecer um pouquinho mais de ambos =D
    Parabéns pela resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  14. *ops >> Entrevista XDDD

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Obrigada por me visitar!
Beijos.

contatoooldr@outlook.com